Loading
Quarta-feira, 22 de novembro de 2017
http://www.cress-es.org.br/site/components/com_gk3_photoslide/thumbs_big/482483nota_informativa_destaque.jpglink
http://www.cress-es.org.br/site/components/com_gk3_photoslide/thumbs_big/873152recadastramento_2017.jpglink
http://www.cress-es.org.br/site/components/com_gk3_photoslide/thumbs_big/986493PicsArt_01_07_04.15.09.jpglink
http://www.cress-es.org.br/site/components/com_gk3_photoslide/thumbs_big/240286Gestao_destaque.jpglink

Intervenção do CRESS-ES em processos seletivos e concursos

O CRESS-17ª Região, por meio da Comissão de Orientação e Fiscalização – COFI construiu uma nota explicativa apresentando informações acerca das intervenções adotadas no acompanhamento de oferta de vagas em concursos See details

NOTA SOBRE O NOVO DIP

Prezadas/os Assistentes Sociais,   O Conselho Regional de Serviço Social – CRESS 17ª Região/ES se serve da presente nota para prestar novos esclarecimentos à categoria de Assistentes Sociais do estado do See details

IDENTIDADE DE GÊNERO: CRESS-ES apresenta Termo de Orientação

O CRESS-ES divulga Termo de Orientação sobre "respeito à identidade de gênero e a utilização do nome social nos diferentes espaços sócio-ocupacionais".   See details

Conselheiras e Conselheiros

A gestão “Tempos de Resistir” (2017/2020) conta com as/os seguintes conselheiras/os:   Presidente: Pollyana Tereza Ramos Pazolini   Vice-Presidente: Sabrina Lúcia Pinto da Silva 1ª Secretária: Patrícia Maria Sousa de Jesus2ª Secretária: Emily Marques Tenorio1ª See details

Intervenção do CRESS-ES em processos seletivos e concursos NOTA SOBRE O NOVO DIP IDENTIDADE DE GÊNERO: CRESS-ES apresenta Termo de Orientação Conselheiras e Conselheiros
    


29 de janeiro: Dia Nacional da Visibilidade de Travestis e Transexuais PDF Imprimir E-mail
Ter, 26 de Janeiro de 2016 10:00

 

Desde 2004, na data de 29 de janeiro, celebra-se o Dia Nacional da Visibilidade de Travestis e Transexuais. A data foi instituída pelo Movimento LGBT, por ocasião do lançamento da campanha “Travesti e Respeito”, pelo Ministério da Saúde. A data tem como objetivo ressaltar a luta pela cidadania e direitos e pelo respeito às travestis e transexuais na sociedade brasileira, buscando imprimir uma real visibilidade a este segmento, diversa daquela que muitas vezes é retratado pela mídia em programas de comédia ou em boletins policiais.

 

Os Assistentes Sociais no Brasil têm refletido criticamente sobre as conseqüências da transfobia para adolescentes, adultos/as, pessoas idosas que se autodefinem como travestis, transexuais ou transgêneros. Através do Conselho Federal e dos Conselhos Regionais de Serviço Social, a categoria tem manifestado o seu compromisso com a luta em torno da despatologização da transexualidade e pela continuidade do debate sobre o uso do nome social nos espaços públicos e privados.

(arte: Rafael Werkema / fotografia: Bruno Costa e Silva/Editacuja)

 

Acolhemos a compreensão de que a homossexualidade não é contra a natureza, não é ilegal, não é uma opção e tão pouco uma doença, sendo apenas uma das formas de orientação sexual possível. Igualmente, pontuamos a identidade de gênero como sendo a maneira como alguém se sente e se apresenta para si e para as demais pessoas como masculino ou feminino, independentemente do sexo biológico (fêmea ou macho) ou da orientação sexual (orientação do desejo: homossexual, heterossexual ou bissexual).

 

Compreendemos que a negação da diversidade humana se objetiva, entre outras formas, por meio do preconceito e da discriminação que se impõem inabalados e com força ideológica capaz de reproduzir-se na vida cotidiana contra todos os argumentos da razão, amparados na desinformação, na ignorância, no moralismo, no conservadorismo e no conformismo.

 

Não sucumbir ao preconceito é um princípio ético fundamental. Este princípio está presente na prática do Assistente Social sempre que o profissional se empenha na eliminação de todas as formas de preconceito, incentivando o respeito à diversidade, à participação de grupos socialmente discriminados e à discussão das diferenças.

 

Conselho Regional de Serviço Social da 17ª Região

Gestão “Não Vou me Adaptar”

LAST_UPDATED2
 

Direto do Conselho

  • 0
  • 1
  • 2
prev
next

Intervenção do CRESS-ES em processos sel

O CRESS-17ª Região, por meio da Comissão de Orientação e Fiscalização – COFI construiu uma nota explicativa apresentando informações acerca das intervenções adotadas no acompanhamento de oferta de vagas em concursos ...

Direto do Conselho | Quarta-feira, 11 Outubro 2017

Leia mais

Melhorias no sistema de PABX

  A Gestão "Tempos de Resistir" tem ciência das dificuldades enfrentadas pela categoria no acesso ao CRESS via contato telefônico. Após análise dos problemas, foram realizadas melhorias no sistema PABX com aq...

Direto do Conselho | Terça-feira, 26 Setembro 2017

Leia mais

IDENTIDADE DE GÊNERO: CRESS-ES apresenta

O CRESS-ES divulga Termo de Orientação sobre "respeito à identidade de gênero e a utilização do nome social nos diferentes espaços ...

Direto do Conselho | Sexta-feira, 6 Janeiro 2017

Leia mais
next
prev
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner